green-sea-turtle-swimming

Tamar alerta para cuidados com tartarugas

por Universo Jatoba

Nas férias de verão, principalmente em janeiro, as praias brasileiras ficam lotadas. E é exatamente nesse período que as tartarugas marinhas estão em plena reprodução. Por isso, é importante que as pessoas tomem cuidados para evitar impactos às condições naturais das áreas de desova. O Centro Nacional de Pesquisa e Conservação de Tartarugas Marinhas (Tamar), do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio), reforça nesse período as suas ações de proteção no litoral e alerta as pessoas para terem todo o cuidado.

O trânsito de veículos nas praias de desova, incluindo carros, caminhonetes e quadriciclos, além de ser uma ameaça aos banhistas, pode compactar os ninhos das tartarugas, atropelar os filhotes e ainda afugentar as fêmeas durante a desova.

LUZ ARTIFICIAL
Outra preocupação é com a incidência de luz artificial nas praias, que prejudica fêmeas e filhotes. O fenômeno é maior ainda no verão pela presença maciça de carros com faróis ligados em regiões de beira-mar. As fêmeas deixam de desovar, evitando o litoral, se a praia está iluminada inadequadamente. Os filhotes, por sua vez, ficam desorientados e, ao invés de seguir para o mar, caminham para o continente atraídos pela iluminação artificial – e fatalmente são atropelados, devorados por predadores como cães e raposas ou morrem de desidratação.

O Tamar realiza um trabalho de sensibilização e educação ambiental nos seus museus espalhados por todo o litoral brasileiro, convidando as pessoas a fazerem a parte que lhes cabe para contribuir com a saúde dos oceanos. Veja onde eles estão localizados aqui!

*Foto National Geographic

Fique Atualizado!

Insira aqui o seu email para receber gratuitamente as atualizações do Universo Jatobá!

Quero receber!