Ujatoba_peixe

O Peixe está na mesa

por Universo Jatoba

Não basta seguir a tradição de se abster de carne vermelha nesta época do ano. Para entrar no espírito de renovação da Páscoa, o Universo Jatobá propõe reciclar valores! E nada melhor do que pensar de forma consciente. De que maneira podemos contribuir com o meio ambiente na hora de se deliciar com os peixes e frutos do mar das refeições da Semana Santa?

Prefira os alimentos que tenham certificado de origem. Pergunte no próprio estabelecimento quem é o fornecedor e pesquise se o trabalho é feito sem prejudicar as espécies ameaçadas e com ações de responsabilidade social.

As informações do Guia do Consumo Responsável de Pescados, feito pela Unimonte, em Santos, no litoral de SP, ajudam a entender e estimulam o consumo consciente sem prejudicar a vida marinha.

As espécies de peixes estão divididas em quatro quadros: o verde (BOM APETITE) tem as espécies em abundância, sem problemas de conservação ou cultivadas em cativeiro. O amarelo (COMA COM MODERAÇÃO) tem as espécies com declínio em abundância devido à atividade pesqueira. O vermelho (EVITE) tem aquelas que correm risco de extinção. E o preto (NÃO, OBRIGADO!) com as proibidas para o consumo.

Confira as espécies de cada um deles:

BOM APETITE: Abrótea, “Bacalhau brasileiro” / Agulha / Atuns (bonito) / Betara, Perna-de-Moça / Bijupirá * / Cabrinha / Camarão rosa * / Camarão branco * / Caranguejo Vermelho, Caranguejo de Profundidade (oriundo do RS) / Caranha, Cioba, Vermelho * / Carapau / Carapeba / Carapicu / Caratinga /  Cavala / Cavalinha / Corcoroca / Dourado / Espada, Peixe-Espada / Espadarte, Meca / Garoupa * / Guaivira / Lulas / Manjuba / Manjubão / Maria-Luiza / Mexilhão * / Mirapaia / Olhete / Olho-de-boi / Olho-de-cão / Olhudo / Ostra-demangue * ( de reservas extrativistas ou cooperativas de criadores ) / Ostra-japonesa * / Oveva / Palombeta / Pampo / Parati / Pirajica / Prejereba / Robalo * / Salema / Salmonete / Sarrão / Savelha / Sororoca / Trilha / Vieira * / Xaréu e Xixarro.

As que têm asterisco (*) são cultivadas em cativeiro (aquicultura)

COMA COM MODERAÇÃO: Agulhão, Vela / Anchova, Enchova / Bagres, Cangatá / Baiacu / batata / Bicuda, Barracuda Bicuda, Pescada-Bicuda / Bijupirá (pesca extrativa) / Camarão rosa (pesca extrativa / Camarão branco (pesca extrativa) / Camarão sete-barbas / Camarão carabinero / Caranguejo Real / Caranguejo Vermelho, Caranguejo de Profundidade / Castanha / Congro, Congrio / Corvina / Galo / Garoupas / Goete / Guaiuba / Linguados / Manganzá / Merluza, Miracéu / Mexilhão (coleta em ambientes naturais) / Namorado / Pargo / Paru, Frade / Peixe-rei / Pescadas / Polvo / Porco,  Porquinho, Peixe-proco / Raias, Emplastro, Arraias / Robalo / Sardinha / Siri / Tainha e Vieira (coleta em ambientes naturais).

EVITE: Atuns (Albacora) / Albacorinha / Badejo, Abadejo / Cações ou Tubarões¹ / Caranguejo-uça / Cherne / Lagosta / Lagosta-sapateira / Lagostim, Pitú / Ostra-de-mangue (coleta em ambientes naturais, fora de cooperativas) / Peixe-lua / Emplastro-borboleta e Raia-emplastro.

NÃO, OBRIGADO!: Badejo-tigre / Cação-anjo / Caranha, Cioba, Vermelho / Mero² / Peixe-serra e Raia-viola.

Segundo o guia, todas as espécies da categoria “Não, obrigado!” são  citados nas listas de diversas instituições e organizações, governamentais ou não, tais como IBAMA/MMA, IUCN e Greenpeace. O mero, também nesta categoria, tem pesca e comercialização proibidas desde 2002.

Aposte nesta lista para ajudar a preparar o seu cardápio. Feliz Páscoa pra você e sua família!

Fique Atualizado!

Insira aqui o seu email para receber gratuitamente as atualizações do Universo Jatobá!

Quero receber!