alimentos-agrotoxicos-758x426

Anvisa divulgou quais são os alimentos mais contaminados por agrotóxico

por Universo Jatoba

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) divulgou um relatório sobre quais são os alimentos mais contaminados por agrotóxico. O documento avalia as o “risco agudo”, ou seja, as chances de intoxicação que podem ocorrer no período de 24 horas.

Programa de Análises de Resíduos de Agrotóxicos em Alimentos, o PARA, avaliou mais de 12 mil amostras de alimentos ao longo de três anos. E quase 99% das amostras estão livres de resíduos de agrotóxicos que representam risco agudo para a saúde.

Foram avaliados cereais, leguminosas, frutas, hortaliças e raízes, totalizando 25 tipos de alimentos. O critério de escolha foi o fato de que estes itens representam mais de 70% dos alimentos de origem vegetal consumidos pela população brasileira.

Entre os alimentos mais consumidos pela população, as laranjas apresentaram o maior risco de contaminação por agrotóxico. Das 744 amostras, 684 foram consideradas satisfatórias e 141 não apresentaram resíduos. O maior risco associado a laranjas está relacionado ao agrotóxico carbofurano, atualmente em processo de reavaliação na Anvisa. Em 5% das amostras de abacaxi foi detectado o agrotóxico carbendazim.

Já para os demais produtos, como a abobrinha, o pimentão, o tomate e o morango, o risco agudo calculado foi considerado aceitável em quantidade superior a 99% das amostras.

As irregularidades apontadas no relatório, apesar de não representarem risco apreciável à saúde do consumidor do ponto de vista agudo, podem aumentar os riscos ao agricultor, caso ele utilize agrotóxicos em desacordo com as recomendações de uso.

Fique Atualizado!

Insira aqui o seu email para receber gratuitamente as atualizações do Universo Jatobá!

Quero receber!