g

Transporte as crianças no carro com segurança

por Universo Jatoba

Por mais que as crianças gostem de brincar e andar soltas pelo carro, é preciso que sejam transportadas de forma adequada, conforme a sua idade, para que não sofram nenhum tipo de acidente.

Alguns pais costumam estar mais preocupados em proteger o veículo do que os próprios filhos. É claro que um seguro de carro é algo obrigatório, e deve-se pesquisar sempre as melhores seguradoras para cuidar do seu carro; mas devem dar a mesma importância para o uso da cadeirinha.

Para que esse erro não seja mais cometido, é preciso saber a maneira certa de transportar cada criança. Veja como fazer isso:

Até 15 kg

Os bebês devem ser transportados no bebê conforto, em formato de concha e compatível com o peso dele. Por ter base removível, encaixa-se facilmente ao veículo e ainda pode ser usado no transporte da criança em outros lugares, por possuir uma alça.

Assento conversível

Indicado para crianças com menos de um ano, os modelos disponíveis no mercado possuem diferentes formas de fixação. No geral, são usados para transporte dentro do veículo e o bebê deve ficar de costas para a frente do veículo, ficando dessa maneira mais protegido.

Assento de elevação ou apoio

Ele é indicado para as crianças que não cabem mais nas cadeirinhas, porém não tem altura suficiente para usar o cinto. Esse tipo de assunto costuma ser usado por crianças que tenham até 10 anos de idade.

Crianças com mais de 10 anos

Essas podem ir no banco traseiro usando o cinto de segurança, seja ele de três pontas ou não. Se mesmo ao chegar nessa idade a criança ainda não tiver altura para usar o cinto, o assento de elevação deve permanecer no veículo e ser utilizado.

A frequência dos acidentes com crianças

Quando observamos o número de acidentes de trânsito que envolvem crianças, eles chegam a ser assustadores. Um levantamento feito pela Seguradora Líder DPVAT, de janeiro a dezembro de 2015, apontou os seguintes dados.

  • Foram pagas 8.022 indenizações para crianças de até 7 anos e 29.342 indenizações para crianças de 8 a 17 anos
  • Indenizações pagas por morte por acidentes com motocicletas somam 122 para crianças de até 7 anos e 458 para crianças de 8 a 17 anos.

Apesar dos dados apresentados serem menores que os do ano anterior, ainda é possível reduzi-los para que se chegue em um índice adequado. Vale ressaltar que os números não representam todos os casos de acidente de trânsito que envolvem crianças, apenas os que solicitaram indenização do DPVAT.

Já um Levantamento no Distrito Federal, pelo Departamento de trânsito apresenta os seguintes dados:

  • 2 crianças de até 9 anos foram mortas em vias urbanas em 2015
  • 4 crianças de 10 a 17 anos foram mortas em vias urbanas em 2015
  • No primeiro semestre de 2016 7 crianças foram vítimas de morte de acidentes de trânsito em vias urbanas

Por isso, na hora de andar com as crianças no banco traseiro, adeque a cadeirinha à realidade de seus filhos ou de outras crianças que estejam com você e proteja a todos.

Artigo enviado pela equipe do site Rastreadores.org

Fique Atualizado!

Insira aqui o seu email para receber gratuitamente as atualizações do Universo Jatobá!

Quero receber!