universo-jatoba-gineco1

Quando o corpo fala

por Dr. Thomas Moscovitz

Infelizmente, muitas mulheres não vão ao ginecologista uma vez ao ano, como é indicado pelos profissionais da saúde. Fazer esse check-up é essencial para prevenir contra algumas doenças, principalmente as assintomáticas, ou seja, que não possuem sintomas. São nestas doenças que moram o perigo porque, geralmente, quando as mulheres percebem algo diferente, a doença já está em um estágio bem avançado.
É importante você saber que a maioria das doenças tem grandes chances de cura se descobertas no início.
Sempre digo que a gente deve também onservar os sinais do nosso corpo, porque, as vezes, é ele quem indica que chegou a hora de procurar um ginecologista.
O corrimento pode ser um sinal de que alguma coisa não vai bem. Se uma secreção, que pode ser branca ou amarela, aparece constantemente em sua calcinha, fique atenta. Principalmente se o corrimento aparece como floquinhos brancos e possui odor forte.
Coceira na região íntima também não é legal. Pode ser o resultado da presença de fungos e bactérias que precisam ser rapidamente combatidos. Somente o médico vai diagnosticar e saber se você precisará aplicar algum creme vaginal ou tratar com antibiótico. Não tome medicamento algum sem orientação médica.
Sentir dor durante a relação sexual – ou ter sangramento – também pode ser preocupante, afinal, pode indicar inflamações e infecções vaginais e, até mesmo, doenças como a endometriose. Lembre-se: a relação sexual não deve incomodar e nem ser dolorida.
Sente ardência ao fazer xixi? Não demore em procurar um médico. Pode ser que você esteja com uma infecção urinária, um problema simples que, se não tratado, pode acarretar problemas graves.
Se ao tocar os seios sentir a presença de nódulos, procure imediatamente o seu médico. Pode não ser nada grave, como pode ser um nódulo cancerígeno. Lembre-se que o câncer de mama é o que mais mata mulheres no mundo. Cuide-se e toque-se sempre. Na internet você encontra diversos tutoriais para fazer o autoexame de forma correta.
Anormalidade constante na menstruação também não deve ser comum. Fluxo intenso (fora do normal) e prolongado pode indicar problemas como alterações hormonais ou ovários policísticos.
Mas não se desespere se isso acontecer uma ou duas vezes. Caso seja rotineiro, vá ao médico.
Verrugas e feridas podem ser tanto uma lesão que desaparecerá sozinha como algum tipo de HPV.
No mais, sempre indico a visita ao ginecologista uma vez a cada seis meses, principalmente se você tem uma vida sexual ativa. Busque um profissional no qual você se sinta a vontade, tranquila e confiante.
Cuide do seu corpo e previna-se. Ele é o seu maior bem.

 

Dr. Thomas Moscovitz – Doutor pela Faculdade de Medicina da USP. Especialista em: Ginecologia – Obstetrícia – Videolaparoscopia – Videohisteroscopia. Assistente Voluntário do Departamento de Ginecologia e Obstetrícia da Santa Casa de Misericórdia de São Paulo. Médico Ginecologista na Granmedic.

Fique Atualizado!

Insira aqui o seu email para receber gratuitamente as atualizações do Universo Jatobá!

Quero receber!