margareth-signorelli-150x150

Margareth Signorelli

Como ter e manter o relacionamento dos seus sonhos

Margareth Signorelli formou-se bacharel em enfermagem (PUC-CAMP). Sempre se considerou uma cuidadora e continuou sua busca para incentivar pessoas a alcançar seu melhor desempenho possível. Formou-se pelo ICI (Integrated Coaching Institute), em São Paulo, tornando-se uma coach de desenvolvimento. Com interesse especial na área de Relacionamentos encontrou no método de Katherine Thomaz e Clair Zammit a abordagem ideal, graduou-se em Los Angeles, tornando-se uma coach de Transformação. Margareth Signorelli escreve aos sábados aqui no Universo Jatobá.

  • Universo_Jatoba_feira_medo

    Eliminando seus Medos com EFT

    Caroline me escreve “Eu não consigo acreditar que o medo esteja me travando de pegar o carro. Esse era um dos objetivos da minha vida e agora esta me atrapalhando, não me deixando dirigir”. Sempre que falo sobre medo, recebo muitos e-mails de seguidores me contando seus próprios, nas mais diferentes formas, principalmente c...

    ler mais
  • Universo_Jatoba_relacionamentos

    5 perguntas vão ajudar a saber a hora certa de se entregar

    Catarina está confusa “Nunca sei qual a hora de dar o passo para uma relação mais íntima. Tenho medo de me segurar e perder a pessoa ou me doar e perder meu valor”. Muitas mulheres acabam cedendo e indo para cama antes mesmo do que gostariam. Fazem isto por vários motivos, mas todos convergem para o maior deles que é a i...

    ler mais
  • Universo_Jatoba_EFT_Conexão-Coach

    EFT: Apenas 9 pontos para o Controle da sua Ansiedade

    Sandra não consegue controlar suas emoções, diz coisas que não gostaria e acaba se arrependendo. “Tenho muita dificuldade em controlar minha ansiedade, isto dificulta o discernimento das minhas decisões atrapalhando meu desempenho em todas as áreas de minha vida. O que mais me preocupa é que também tem influenciado negativa...

    ler mais
  • Universo_Jatoba_relacionamentos

    Ser ou Não Ser a Outra? 4 questões que lhe ajudarão a decidir

    Flor me escreveu dizendo “Tenho um relacionamento com um homem casado, há sete anos. Vivo intensamente o que ele me proporciona, mas quero mais e vivo me questionando, porque não dou um basta nisso. Estou me sentindo doente, pois tento e não consigo dar um basta nessa relação”. Entendo que você viva intensamente e que su...

    ler mais