Ujatoba_pilula

Contraceptivo de emergência

por Dr. Thomas Moscovitz

Não se prevenir durante o ato sexual ainda faz com que muitas mulheres apelem para o contraceptivo de emergência, mais conhecido como pílula do dia seguinte.

Utilizada após uma relação sexual que tenha risco de uma gestação indesejada, esta pílula, vendida livremente em farmácias de todo o Brasil, consiste em um anticoncepcional constituído por progestogênio, em dosagem bem maior que uma pílula comum. Com isso, ela age como uma “bomba” hormonal no organismo feminino.

As altas dosagens hormonais aumentam a chance de trombose, câncer, náuseas, vômitos e outras doenças.
É óbvio que ela pode ser muito mais segura do que agressões ao organismo como drogas abortivas, com efeitos colaterais graves para a saúde, porém, é de suma importância que as mulheres não insiram a pílula do dia seguinte em sua rotina e utilize-a apenas em casos emergenciais. Ainda assim, é fundamental que receba instruções de um profissional. Não utilize o medicamente sem prescrição médica.

Existem dois tipos de pílula do dia seguinte: uma em uma dose única que deve ser tomada até 72 horas após a relação sexual e, a outra, em duas doses, sendo um comprimido ingerido logo após a relação e o outro 12 horas depois.

Se feito corretamente, a eficácia é em torno de 95%, já que seu papel é acelerar a menstruação – que deve chegar de 7 a 10 dias, evitando assim que o óvulo seja fecundado.  Mas, cuidado. Como todo método há um risco de falha e a chance de engravidar é de 3 a 5%, se ingerida respeitando os horários corretos contidos na bula.

A alta dosagem deste remédio pode provocar náuseas e intolerância gástrica. Vale ressaltar, que a pílula não tem efeito de acúmulo no corpo da mulher, portanto, não será menos ou mais eficaz se ingerida repetidas vezes num curto período de tempo. Caso a mulher já esteja grávida, não surtirá efeitos negativos sobre o feto. Suas substâncias não passam pelo bebê.

 

Dr. Thomas Moscovitz – Doutor pela Faculdade de Medicina da USP. Especialista em: Ginecologia – Obstetrícia – Videolaparoscopia – Videohisteroscopia. Assistente Voluntário do Departamento de Ginecologia e Obstetrícia da Santa Casa de Misericórdia de São Paulo. Médico Ginecologista na Granmedic.

Dr. Thomas Moscovitz escreve às segundas-feiras aqui no Universo Jatobá.

Fique Atualizado!

Insira aqui o seu email para receber gratuitamente as atualizações do Universo Jatobá!

Quero receber!