Universo-Jatoba-margareth

Desintoxique-se de um amor passado

por Margareth Signorelli

Katia me escreve dizendo “Eu e meu namorado terminamos há 3 meses, mas não consigo esquecê-lo. Sinto uma conexão muito forte entre nós e não tenho forças para rompê-la. Às vezes, acabamos nos vendo, mas sei que não vai dar em nada e está prejudicando minha vida”.

Isto é muito comum entre os casais. Apesar de saber que o relacionamento acabou, não se desconectam e sempre um dos dois acaba mais machucado.

Quando isto acontece, é preciso que a pessoa faça uma desintoxicação. Uso este nome porque falarei de quando a pessoa esta “intoxicada” pelo outro de uma forma que pode ser até patológica, prejudicando sua vida.

Muitas pessoas têm grande dificuldade de se desconectar do outro e, em certos casos, esta ruptura é necessária para que a pessoa volte a ter uma vida sadia, podendo assim existir a possibilidade de se relacionar novamente com alguém. Citarei 2 sugestões:

1) Um estudo feito pela Dra. Helen Fisher, uma das mais renomadas líderes antropologistas no trabalho de amor e atração pela Rutgers University – New Jersey, diz que quando temos um relacionamento amoroso em que somos deixados ou por algum motivo sabemos que não é a pessoa certa para nós, nos desligarmos dessa pessoa pode ser tão difícil quanto a desintoxicação por cocaína. Por causa da química do nosso cérebro, não temos controle sobre nós mesmos. Dentre os sintomas, ela menciona a obsessão como mudança emocional sem explicação aparente e ânsia, como o desespero em estar junto com a pessoa. Para nos livrarmos desse problema, podemos usar o Programa de Desintoxicação da Dra. Pat Allen, psicoterapeuta e expert em assuntos de relacionamento.

O programa consiste em oito semanas. Caso exista uma comunicação entre vocês, entre em contato com a pessoa e diga que está fazendo uma desintoxicação e peça que ela não entre em contato com você por, no mínimo, oito semanas.

Você NÃO poderá ver, ouvir, ter contato (por telefone, e-mail ou mensagens de texto), tocar, sentir gosto ou cheirar a pessoa durante esse período. Cheirar é muito importante, pois quando sentimos a presença da pessoa, é como se cheirássemos seu DNA e isso deixa a nossa química cerebral ir à loucura.

Caso a pessoa faça qualquer tipo de contato com você antes dessas oito semanas, você terá que recomeçar todo o programa novamente.

2) David Cameron, escritor e um dos consultores do “The Secret”, diz que tudo ao nosso redor é e emana energia. Desde o tijolo da nossa casa até as árvores ao nosso redor. Ao nível quântico, estamos todos ligados e conectados.

Quando você tem um relacionamento íntimo com alguém, esses cordões de conexão são ainda maiores. Mesmo que a pessoa tenha se distanciado de você há muito tempo, esta conexão pode impedir a chegada de algo novo e precisa ser cortada.

Existem três modos de se cortar esta conexão energética, experimente minhas sugestões e confira os resultados:

A) Fique em pé, imagine a pessoa na sua frente também de pé e a conexão energética entre vocês. Pode ser uma luz que conecta umbigo com umbigo ou qualquer outra parte do corpo, mas o importante é que você veja esta conexão como uma luz. Com a sua mão direita, faça um golpe de caratê para cortar essa conexão e, em seguida, bata palma três vezes.  Lave suas mãos em água corrente e depois com sal grosso. Se não tiver sal grosso, pode passar álcool.

B) Entre em uma banheira com água e coloque bastante sal grosso dentro. Fique nela por uns 15 minutos. Depois disso, deixe a água sair e continue sentada pensando na pessoa e que aquela água que está escoando está levando com ela toda a energia que os conecta. Depois tome um banho da cabeça aos pés limpando todo o sal e a água que ficou no seu corpo.

C) Entre no mar dos pés a cabeça e tome aquele banho com a intenção de limpar a sua ligação com a outra pessoa. Quando mergulhar a cabeça pense na conexão energética dos dois e deixe o mar levá-la.

Estas são algumas sugestões para lhe ajudar no processo da sua desintoxicação, lembrando que estas e quaisquer outras só terão sucesso em sua vida se você permitir.

Lembre- se que tudo parte do seu desejo interior em primeiro lugar, para que as ferramentas exteriores lhe ajudem a fortificar a sua mais profunda intenção.

Dúvidas sobre relacionamento, escreva para margareth@conexaocoach.com.br, talvez eu possa lhe ajudar.

Grande abraço!

Foto: Thinkstock

 

Margareth Signorelli formou-se bacharel em enfermagem (PUC-CAMP). Sempre se considerou uma cuidadora e continuou sua busca para incentivar pessoas a alcançar seu melhor desempenho possível. Formou-se pelo ICI (Integrated Coaching Institute), em São Paulo, tornando-se uma coach de desenvolvimento. Com interesse especial na área de Relacionamentos encontrou no método de Katherine Thomaz e Clair Zammit a abordagem ideal, graduou-se em Los Angeles, tornando-se uma coach de Transformação. www.conexaocoach.com.br

Margareth Signorelli escreve aos sábados aqui no Universo Jatobá.

Fique Atualizado!

Insira aqui o seu email para receber gratuitamente as atualizações do Universo Jatobá!

Quero receber!