universo-jatoba-margareth-casal1

Como ter mais do mesmo homem

por Margareth Signorelli

Sofia me escreve dizendo: “Meu marido diz que eu só reclamo e que fica difícil entender o que desejo. Não sei como me expressar para que me entenda”.

Na relação homem, mulher qual seria a melhor forma de nos manifestar quando não estamos felizes com alguma atitude? Como ter mais do nosso companheiro? Que língua falar?

A Universidade de Harvard tem feito estudos nos últimos 50 anos sobre como mudar o comportamento das pessoas. Os estudos mostram que você consegue ter sucesso efetivo em uma mudança de comportamento baseado na apreciação. Não terá os mesmos resultados se for baseado na crítica.

Muitas vezes a dinâmica entre homem e mulher é: Ele lhe fez algo que você gostou. O homem pensa: “Legal! Ela gostou, então estou feliz”.  A mulher pensa: “Se eu demonstrar que estou feliz por muito tempo, mostrará pra ele que não precisa mais repetir o que fez. Então, expressarei que estou infeliz e ele vai tentar fazer algo para me agradar”. E aí ela reclama: “Você nunca me leva para jantar”.

Se você ouvir as reclamações dos homens em relação às mulheres são: “As mulheres criticam, as mulheres reclamam, as mulheres controlam”.  Normalmente elas criticam o que ele não fez e reclamam pelo que fez. Claramente falando, quanto mais pedirmos pela reclamação e cobrança, o que conseguiremos serão mais conflitos.

O que eu estou comentando é o modo inteligente de conseguir o que queremos. Nem sempre a mulher quer agir desta forma, pensando que estará sendo submissa e reprimindo seus desejos. É assim que funciona entre as energias masculina e feminina e aí você escolhe entre sua inteligência ou a exigência de impor sua vontade.

Então como conseguir mais pedindo menos?

Você não estará suprimindo seus desejos e suas vontades, mas sim aprendendo a arte de pedir algo pelo agradecimento e não pela cobrança ou imposição. É um paradoxo, mas muito elementar. Diga simplesmente:

“Você me faz muito feliz, mas se pudesse fazer isto por mim, me faria mais feliz ainda”.

“Imagino que seja difícil você responder minhas mensagens prontamente no seu dia tão atribulado, mas quando puder me mandar um beijo eu entendei e ficarei muito feliz”.

Fica mais fácil entender se imaginar alguém que vai lhe fazer uma critica ou pedido e antes de fazê-lo fizer um agradecimento ou elogio verdadeiro. Você não se sentiria mais feliz e com vontade de atender ao pedido?

Normalmente quando algo que não gostamos acontece, a primeira e mais obvia reação seria reclamar. Quando isto acontecer Pare e Pense qual seria outra forma de comunicar seu descontentamento, sem precisar protestar ou cobrar? Você perceberá que somente esta dinâmica fará com que os resultados mudem, trazendo uma transformação muito positiva no seu relacionamento.

O segredo é pedir pelo agradecimento ao invés de esperar mais pelo descontentamento.

Dúvidas sobre relacionamento, escreva para margareth@conexaocoach.com.br, talvez eu possa lhe ajudar.

Grande Abraço!

Obs: Sua identidade será mantida em sigilo.

Margareth Signorelli formou-se bacharel em enfermagem (PUC-CAMP). Sempre se considerou uma cuidadora e continuou sua busca para incentivar pessoas a alcançar seu melhor desempenho possível. Formou-se pelo ICI (Integrated Coaching Institute), em São Paulo, tornando-se uma coach de desenvolvimento. Com interesse especial na área de Relacionamentos encontrou no método de Katherine Thomaz e Clair Zammit a abordagem ideal, graduou-se em Los Angeles, tornando-se uma coach de Transformação. www.conexaocoach.com.br

Margareth Signorelli escreve aos sábados aqui no Universo Jatobá.

Fique Atualizado!

Insira aqui o seu email para receber gratuitamente as atualizações do Universo Jatobá!

Quero receber!