Ujatoba_genia1

Homenzinhos verdes e cosméticos verdes

por Genia Winitzki

Prefiro leprechauns à gnomos e duendes. Todos significam a mesma coisa, mas a primeira grafia parece sintetizar ainda mais os homenzinhos vestidos de verdes das lendas irlandesas, considerados os sapateiros das fadas.

Tenho fascínio total pelo país e acabei tendo um filho mezzo irlandês. Coincidências ou não, muitas amigas tomaram um rumo deste país-ilha para esticar no final de ano. E, como sempre, ligaram para saber quais produtos de beauté deveriam comprar durante a viagem. (editora de beleza vira guru… rsrsrs… mas, o pessoal esquece que cada pele é uma pele!)

Minha sugestão para sair do lugar comum sempre é “procure pelos cosméticos locais” – podem ser uma surpresa. Lucy Annabella Organics é um desses exemplos e, se você também vai rezar em Saint Patrick, na charmosérrima Dublin, procure pela linha na Avoca Rathcoole, uma loja/café  (e mais coisitas) bacanérrima.

Nem são muitos produtos por enquanto: a marca é recente – mal tem dois anos — por isto você vai encontrar uma restrita linha home, com velas maravilhosamente perfumadas, milks para banho, hidratantes e óleos corporais. O legal é que a aromaterapeuta Colleen Harte, que criou Lucy, desenvolve pessoal e apaixonadamente cada fórmula: tudo orgânico, com embalagens que são um luxinho!

Ela viajou um bocado pelo mundo todo para encontrar produtores alinhados com suas ideias porque não adianta chegar e contar vantagem sobre ser eco-friendly se você não acompanha cada ativo desde a origem. Agricultura orgânica não esgota o solo, nem usa pesticidas ou produtos químicos que poluem o meio-ambiente e a água.

A ideia por trás é que tudo que você passa na pele é absorvido pelo organismo daí melhor não aplicar algo que foi produzido utilizando serial killers contra bichos ou mega blasters que aceleram a produção (ando cada vez mais orgânica, até na alimentação… embora esta ainda seja too expensive!)

Lucy Annabella (nome que também parece de personagem de lendas) ganhou o “Best Innovation in Organic Cosmetics e o Best Organic Skincare Products do ano que passou e faz parte de associações seríssimas que atestam os produtos.

Nada de parabenos, ftalatos, óleos minerais, talco, sodium lauryl sulfato e mais uma listinha de ativos que estamos acostumados a ler nos rótulos. Colleen pesquisou e resolveu que em seus produtos só entra mesmo o que é natural.

Se você anda abraçando a causa, traga na mala o Antioxidant Aromatic Moisturiser com limão e bergamota, feito artesanalmente. Na fórmula também entram óleos de lavanda e cipreste (ganhei e me apaixonei pela vela de bergamota e palmarosa, ingredientes que parecem levantar o astral!)

Rezam as lendas que os leprechauns (pronuncie o ‘cha’ como ‘ca’) existem. Já o Moisturiser de Colleen traz vida nova à sua pele. Estamos no início do novo ano: é hora de acreditar em homenzinhos verdes e em cremes milagrosos!

Para saber mais sobre beleza, siga nossa colunista, Genia Winitzki, no site dermapost.com.brFacebook e no Instagram.

 

Genia Winitzki, jornalista, pós-graduada em Marketing, é diretora de conteúdo do site Dermapost e editora-contribuinte da Revista Vogue e da Revista do Studio W. Foi editora especial da Revista Nova e colaborou com publicações como Women’s Health, GQ, Elle, Playboy, e Le Lis.

Genia Winitzki escreve às terças aqui no Universo Jatobá.

Fique Atualizado!

Insira aqui o seu email para receber gratuitamente as atualizações do Universo Jatobá!

Quero receber!